Portal da Cidade Pontal do Paraná

COVID-19

Média móvel de casos de covid-19 diminui 71% no Paraná, mas contágio segue alto

Mas apesar da tendência de estabilidade, o estado segue com transmissão alta, o que pode levar à volta de medidas restritivas

Postado em 08/04/2021 às 15:46

(Foto: Fabio Teixeira/AFP)

Quase um mês após bater recorde, o Paraná teve queda de 71,3% na média móvel de casos de Covid-19, segundo o Farol Covid, plataforma independente que calcula índices da pandemia em todo Brasil. Mas apesar da tendência de estabilidade, o estado segue com transmissão alta, o que pode levar à volta de medidas restritivas se os casos continuarem subindo. Tanto que, apesar da redução, nesta quinta-feira (8) o Paraná retornou ao alerta vermelho do Farol Covid, de transmissão altíssima.

A média móvel dos últimos sete dias nesta quinta-feira (8) é de 28,81 casos por 100 mil habitantes. No dia 10 de março, o Paraná enfrentava o pior momento da pandemia, quando a média móvel bateu em 100,53 infecções por 100 mil habitantes.

Ao longo de toda aquela semana de março, o estado ficou com a média móvel disparadamente mais alta de todo o Brasil. No dia 10, a média no Paraná era 30% acima do estado segundo colocado, o Rio Grande do Sul, que tinha 70,45 infectados por 100 mil habitantes. Agora, o Paraná é o 18.° estado no ranking de transmissão. O líder é o Mato Grosso, com 52,70 casos por 100 mil habitantes – quase 83% a mais do que o Paraná.

Apesar da redução, o índice vem subindo. Tanto que nesta quinta o Paraná retornou para o nível vermelho do Farol Covid, de alerta altíssimo. Até quarta-feira (7), o Paraná era o único estado fora do alerta vermelho, quando estava no estágio laranja, de transmissão alta, com média móvel de 27,03 casos por 100 mil habitantes.

Além disso, outro indicador de transmissão preocupa. De acordo com o Farol Covid, a taxa R, que mede a reprodução do coronavírus, está em 0,97 – ou seja, um grupo de 100 pessoas infectadas por transmitir a doença para outras 97. O ideal é que a taxa R fique abaixo de 1, quando 100 pessoas podem transmitir a Covid-19 para outras 100.­­­­­­­

Se a média móvel de casos caiu, a de mortes aumentou. No dia 10 de março, era 1,35 morte por 100 mil habitantes no estado. Nesta quinta, o índice subiu para 1,75 morte por 100 mil habitantes.

Fonte:

Receba as notícias de Pontal do Paraná no seu WhatsApp.
Clique aqui, é gratis!

Deixe seu comentário

Outras notícias

data-matched-content-ui-type="image_stacked" data-matched-content-rows-num="2" data-matched-content-columns-num="3">